Top 6 Tendências Milão Fashion Week Primavera-Verão 2014
Top 6 Tendências Milão Fashion Week Primavera-Verão 2014

Após o término das principais Semanas de Moda e enquanto se sucedem os Fashion Weeks dos outros países e inclusive cidades, chega o momento de ver as tendências que Nova York, Milão e Paris nos deixaram. Algumas tendências que coincidem em muitas cidades, que muitas vezes acompanham determinadas estações e que em sua maioria apresentam sequelas das temporadas passadas, como é o caso do “black & white”, do “total white”, do “flower power”, da “blusa croppeds”, dos acabamentos metálicos, dos estampados animais e do couro, que por sua vez não está incluído nesta coleção. Sendo assim, são 6 tendências reflexo e distinção de Milão que conseguem anualmente de maneira magistral inovação e elegância.

1. Esqueça as blusas croppeds. Esses pequenas blusas voltam a mostrar seu poder para a temporada primavera-verão 2014 reinventado por praticamente todos os designers nas quatros principais semanas de moda. Sem dúvida, Milão não está satisfeito em repetir o item, então foi reinventado ainda menores. Recortes impossíveis, aplicações florais 3D, construções complicadas e acabamentos transparentes. Esqueça as blusas croppeds e mostre o sutiã! Ports 1961, Trussardi, Emilio Pucci, Jil Sander, Dolce & Gabbana, Salvatore Ferragamo, Versace e Prada são apenas alguns exemplos.

DOLCE & GABBANA – JUST CAVALLI – FENDI – VERSACE – EMILIO PUCCI – GUCCI

DOLCE & GABBANA – JUST CAVALLI – FENDI – VERSACE – EMILIO PUCCI – GUCCI

2. Pratique o Glam Desportivo. Uma tendência que se mantem intacta desde algumas temporadas e que vem ganhando sofisticação e elegância em Milão se materializando em características peças desportivas em pele, chiffon e seda. Camisetas, tops, calças largas, jaquetas e trench coats adquirem brilho apostando por acabamentos acetinados, metálicos, ou em algumas ocasiões decorados com aplicações de pedrarias. Um sensual “sporty glam” que pode ser visto em Gucci, Emilio Pucci, Jil Sander, Max Mara, Salvatore Ferragamo, Prada, Ports 1961, Etro e Philipp Plein entre outros.

EMILO PUCCI – MAX MARA – PRADA – SALVATORE FERRAGAMO – GUCCI – PHILIPP PLEIN

EMILO PUCCI – MAX MARA – PRADA – SALVATORE FERRAGAMO – GUCCI – PHILIPP PLEIN

Calças largas até o tornozelo. Os designers de Milão apostam por calças folgadas até o tornozelo com o diferencial que se tornam mais justas no quadril. As calças croppeds monocromáticas, estampadas, acetinadas ou plissadas que apesar de resultarem em algo mais casual, exibem seu melhor look combinados sabiamente com peças de roupas superiores mais trabalhadas. Jil Sander, Etro, Emporio Armani, Salvatore Ferragamo, Ermanno Scervino e Tod’s dão boa prova disso.

TOD’S – ETRO – EMPORIO ARMANI – JIL SANDER – ERMANNO SCERVINO – SALVATORE FERRAGAMO

TOD’S – ETRO – EMPORIO ARMANI – JIL SANDER – ERMANNO SCERVINO – SALVATORE FERRAGAMO

4. Arte por todas as partes. Milão, uma cidade repleta de arte por todas as partes e é considerada por muitos o mais bem vestida da Europa, reúne critérios de exemplos autênticos de obras pictóricas nos estampados propostos por grande parte dos designers apresentados. Vibrantes e coloridos gráficos, tamanhos chamativos que inundam sem temor as passarelas de Fausto Puglisi, Marni, Etro, Missoni, Just Cavalli, Prada, Jil Sander, Dolce & Gabbana e Laura Biagiotti entre outras.

FAUSTO PUGLISI – MARNI – ETRO – MISSONI – JUST CAVALLI – PRADA

FAUSTO PUGLISI – MARNI – ETRO – MISSONI – JUST CAVALLI – PRADA

5. Flores em 3D. Motivo recorrente de temporadas primavera-verão, as flores já vistas em Nova York, mostram seu máximo esplendor em Milão, ganhando realismo e volume aplicadas sobre todo tipo de desenhos. Flores brilhantes que ganham notoriedade graças as tonalidades vibrantes e ricas combinações com lantejoulas e pedrarias, e que pudemos ver em grande número dos desenhos apresentados por Alberta Ferretti, Dolce & Gabbana, Dsquared2, Ermanno Scervino, Antonio Marras, Blumarine, Marni e Laura Biagiotti entre outros.

PRADA – DSQUARED2 – MARNI – ALBERTA FERRETTI – DOLCE & GABBANA – LAURA BIAGIOTTI

PRADA – DSQUARED2 – MARNI – ALBERTA FERRETTI – DOLCE & GABBANA – LAURA BIAGIOTTI

6. Sensação de leveza. Leve como o ar que desprendem os desenhos exposto em Milão materializados em organza, chiffon, seda transparente, renda e tule. Alguns desenhos etéreos e delicados que davam movimento e que produziram absoluta fascinação nas passarelas dos designers como Fendi, Dolce & Gabbana, Giorgio Armani, Alberta Ferreti, Gucci, Laura Biagiotti, Blumarine, John Richmond e Luisa Beccaria entre outros.

DOLCE & GABBANA – LAURA BIAGIOTTI – FENDI – BLUMARINE – GENNY – GUCCI

DOLCE & GABBANA – LAURA BIAGIOTTI – FENDI – BLUMARINE – GENNY – GUCCI